Inbound 11 de setembro de 2020

O que é funil de vendas e como utilizá-lo no e-mail marketing?

Se você for um profissional de marketing já deve ter ouvido falar do funil de vendas, certo? Esta ferramenta busca otimizar e acompanhar as etapas de compra dos clientes, analisando seu comportamento durante o processo. Por isso, é um dos principais recursos dentro do inbound marketing.

Sem ele, muitas vezes fica difícil acompanhar a jornada do consumidor com a sua marca. Então, apostar nele pode ser a chave para aumentar seus resultados.

Agora, você sabe que esta técnica pode e deve ser aplicada em diversas empresas. Como aplicá-la de forma positiva no e-mail marketing da sua?

Continue lendo este conteúdo que preparamos e aprenda a inclui-la nas suas estratégias.

Leia também:
Por que apostar no funil de vendas do Marketing Digital?
Como e por que o e-mail marketing funciona?

Como funciona o funil de vendas?

Para saber mais sobre um funil de vendas, você pode pensar no seu próprio processo de compra. Afinal, todos nós somos consumidores e passamos por isso.

Imagine que você conheceu uma marca nova. Um amigo comentou sobre ela, você pesquisou no Google ou viu um anúncio em uma rede social. Este é seu primeiro contato, que chamamos de etapa de aprendizado e descoberta.

Ela recebe esse nome porque você ainda está descobrindo a empresa, o tema ou o nicho. Aqui, não necessariamente você vai se apegar à marca, mas ao segmento do produto. Ou seja, essa é a entrada do funil.

Outras etapas do funil 

O restante das fases acontece quando você começa a colher mais informações sobre aquele nicho de produto ou serviço. É a segunda etapa, que chamamos de reconhecimento do problema, quando você identifica que pode realmente estar precisando dessa solução.

Após esse estágio, vem a consideração de solução. Isso porque você olha diretamente para a marca, que mostra que possui o necessário para resolver aquele seu problema. Só que você ainda pode buscar um concorrente para essa resolução, não é mesmo?

Enfim, a última etapa é a decisão de compra. Neste momento, a marca te oferece argumentos e benefícios para te convencer a comprar com ela. É aí que você pode receber anúncios de promoções e descontos.

Com as etapas definidas, é possível descobrir algumas informações relevantes. Por exemplo, quando o cliente abandonou seu funil, onde há falhas na comunicação, que etapa precisa ser melhorada etc.

Como funciona o funil de vendas no e-mail marketing?

O e-mail marketing é uma ferramenta eficaz quando o assunto é distribuição de conteúdo. Um de seus objetivos é conversar com o cliente, criando uma relação de proximidade e oferecendo exatamente o que ele precisa. Assim, pode levar um usuário do estágio de descoberta de produto ou serviço diretamente à etapa de compra.

A missão do e-mail marketing para o funil de vendas é tornar o processo de compra mais fácil e interligado, a fim de conectar todas as etapas.

Por isso, você pode planejar uma série de conteúdos que acompanhe essa jornada do consumidor, desde a descoberta até a decisão de compra.

A grande chave do e-mail marketing é que ele oferece dados suficientes para você otimizar constantemente essas estratégias de conteúdo. Alguns deles são dados de abertura e cliques de e-mail, que são ótimos indicadores de interesse.

Para ficar ainda mais fácil de entender, veja exemplos e dicas para cada etapa:

Topo do funil

Como já dissemos, a primeira e mais importante etapa dentro do funil de vendas é a captação de clientes.

Ou seja, o topo do funil é o momento ideal para você investir no envio de conteúdos que ajudem a esclarecer as principais dúvidas e entender do que seu cliente realmente precisa. Então, no começo, evite fazer a relação direta com sua marca.

Em outras palavras, ser relevante e abrangente, oferecer informações simples, práticas e de qualidade  para quem está começando a procurar sobre o assunto.

Meio do funil

Este é o momento em que você poderá se aprofundar mais nos conteúdos para seu cliente. Aqui, você já saberá um pouco mais sobre os interesses dele e poderá investir em um material mais assertivo. 

Entendê-lo melhor também vai permitir que você trabalhe na dor dele, isto é, mostrar que você o entende e reconhece que ele tem um problema. Dessa forma, ajude-o a identificar essas dificuldades e dê informações para que ele tenha autonomia e liberdade.

Fundo do funil

Neste estágio, seu cliente já conheceu melhor o assunto, sabe do problema que tem e quer resolvê-lo. Para isso, você pode chegar com a mensagem no momento certo e com a solução perfeita: seu produto ou serviço. 

Para dar aquele empurrãozinho na decisão de compra, você pode investir em e-mail marketing com cases de sucesso e feedbacks dos clientes. Assim, mostra que já ajudou outras pessoas e dá o que chamamos de “prova social”: realmente, seu produto ou serviço é eficiente na resolução de problemas. 

Para conteúdo de valor no momento certo, conte com a Narro

Já deu para perceber que o e-mail marketing é um ótimo recurso para encaminhar para seus clientes ao longo do funil de vendas, não é mesmo?

Com um conteúdo de valor e no momento ideal, você pode ajudar seus clientes a sair da indecisão. Além disso, eles vão conhecer melhor o assunto e de maneira rápida resolver seu problema com a compra do seu produto.

A Narro é especializada em inbound marketing, marketing de conteúdo e tudo que envolva marketing digital. Conte conosco para alcançar resultados de sucesso #VemPraNarro